sexta-feira, 21 de setembro de 2012 - 0 comentários

O tempo ....

Eu sempre pensei que o tempo curasse tudo, vivo abraçado a essa ideia ... mesmo nas coisas mais horrorosas e marcantes, mas nenhuma ferida acabou por sarar, e o tempo agora trouxe-me mais inseguranças, perda da auto-estima, medos, vergonha, solidão, (....)

O tempo vai e não volta jamais, eu não consigo lidar com o meu passado, visto que este assombra-me todos os dias, todos os dias vêem-me aqueles determinados pensamentos à cabeça, principalmente à noite, que é a pior altura do dia, para mim, isto porque penso em tudo o que me aconteceu mesmo que não queira ... é inevitável, não posso controlar isso!

Há mais ou menos seis anos atrás, quando andava no 5º ano, os problemas começaram e continuaram até ao 9º ano, havia um rapaz, só por ser bom aluno, exemplar e ter notas razoáveis já chamavam de betinho e que sofria imenso com isso. Depois começaram a pô-lo de parte, a dizer que era deficiente, diferente dos outros, só por ter tido alguns problemas na vida, à nascença .... coisa que muita gente desconhece, pois as pessoas, acabam por julgar e interpretar mal as coisas, sem saber da verdade, começaram a falar mal dele, a espezinha-lo, a tratá-lo mal. Inventaram dezenas de mentiras sobre ele, de tantos assuntos diferentes, de forma a afastar ainda mais as pessoas que ainda continuavam perto dele. Ele ficou sozinho, sem ninguém a seu lado .... houve alturas piores ou outras um pouco melhores, desde o 5º até ao 9º anos.
Sempre que ele passava mandavam boquinhas e piadinhas de mau gosto, diziam que era gay, inventavam murmúrios e espalhavam por toda a escola, e de repente a certa altura, a escola toda passa a conhecer esse rapaz ... e todos lhe fizeram a vida num inferno. Ele andava sempre muito em baixo triste, só, sem ninguém com quem conversar que o ajudasse, sem ninguém em quem se apoiar, sem nada, apenas sendo vitima de bulling, alvo de todos, tanto dentro como fora da escola, não havia nenhum sitio onde não fosse gozado. Ele passou o maior pesadelo da vida dele nestes anos todos, os piores momentos da sua vida, nunca pensou em ser tão traído, por gente que pensava que era sua amiga, e afinal era só bluff, ele era muito ingénuo, e acreditava que por ele ser verdadeiro as outras pessoas também o eram ...
No meio de tudo o que teve de passar sozinho, sem niguém para o ajudar e isso marcou-o imenso e está a prejudicá-lo agora no presente!!!

A minha visão do meu ''Mundo'', o mundo onde vivo, é de um mundo cruel, injustiça-do, com poucas pessoas de bem, com poucos amigos, um mundo de desilusões, a cada dia que passa, de amargura, de tristeza, de solidão, de falsidade, de mágoa, de angustia  (...) um mundo que não presta para ninguém viver nele, eu não merecia nada do que eu passei, nada mesmo, fizeram-me a vida num inferno, foi tão cruel, tão triste, ... e o que muita gente não imagina, é o quanto, é difícil lidar com estas coisas, o pior dos piores, foi querer ter e precisar APENAS de 1 PESSOA, para me estender a mão, me apoiar, me ajudar, me confortar, me dizer que tudo vai ficar bem e se resolver ... e NEM 1 TER ao meu lado!

Isso mexe imenso comigo, magoa-me, fere-me grandemente por dentro, porque, não houve ninguém que visse-me abatido, em baixo, triste, e dissesse-me o caminho é em frente, ergue a cabeça, e anda ... eu vou te ajudar, não posso ter ver assim, custa-me ver-te passar por isto, as pessoas não podem fazer de ti o que querem, .... é que nem uma palavra amiga de alguém tive assim, faz-me pena como as pessoas podem ser tão tapadas e se preocuparem só com elas próprias, esquecendo os outros a sua volta! :(



0 comentários:

Enviar um comentário