domingo, 30 de setembro de 2012 - 0 comentários

Domingo Perfeito...

O dia está a ser perfeito pois estou a fazer aquilo que mais adoro, escrever, cada vez mais vejo que tenho dom, alma, jeito, uma imensa capacidade para a escrita, coisa descoberta à bem pouquíssimo tempo, há cerca de 4 meses, e é com prazer e dedicação que escrevo, posso ir até onde quero, sentir o que quero, imaginar um mundo belo, sem gente ruim pelo meio.

Hoje passei o dia em casa, de pijama, com chuva é que mais me apetece fazer.  Durante a tarde, estive a escrever tudo o que me tem acontecido de bom até agora, para depois levar quando for à próxima consulta com o psicólogo, ainda não tinha escrito quase nada, já conto com 8 paginas A4 cheias, o que é realmente muito bom!

Agora estou a escrever, a pensar, a sonhar, com a minha vida, tão bela .... a importância de viver é tão grande, a de ter pessoas ao nosso lado também, nossas amigas, dispostas a nos fazer o lado bom da vida e não só o lado mau,  ser elogiado, faz-me sentir valorizado, com mais garra, para fazer melhor seja o que for, por exemplo escrever, cada vez que me elogiam mais tento melhorar cada vez mais, aos poucos e poucos estou a conseguir, e já se nota, um grande progresso desde à 15 dias de existência deste blog, é verdade já se passaram 15 dias, o tempo é incrível, passa tão depressa que nós nem nos damos conta!
A minha grande amiga L. hoje disse-me que a minha escrita, está muito melhor e evolui imenso, desde a 15 dias para cá, no entanto, para escrever o livro tenho de melhorar mais e mais o meu vocabulário, a minha forma de escrever, passando a um texto mais formal, como ela dizia ''Para escrever um livro, tens de ler 1000'', concordo, as acho que se a pessoa que for escrever o livro, não tiver um dom para isso, não o irá conseguir fazer! ;)

Fiquei agora contente, ao saber que o meu amigo P. quer ir amanha cedo para escola e que também eu vá, para estarmos a conversar, ir à net, acabar algum TPC, ....
Fico feliz por ele estar a melhorar, aos poucos e poucos devagarinho, um dia de cada vez, pois nada muda de uma noite para outra, nenhum problema desaparece num abrir e fechar de olhos. Ainda bem que na sexta feira,  ele já voltou ao mundo real, já falou mais comigo, já se abriu, ele sabe que pode contar comigo para o que der e vier, estou aqui para tudo P., acredita que tu não estás só, eu estou aqui, para te ajudar, apoiar, te confortar, dar um ombro amigo, se quiseres desabafar, podes fazê-lo à vontade, eu guardarei o que tu me disseres, não tenho o mínimo interesse em contar a outra pessoa, a coisa que eu mais quero é te ajudar, a ficares melhor!
Tenho imensa pena dele, coitado não merece pelo que está a passar, também está com tanto problema, eu irei fazer o que puder para melhorar isso, não o posso ver assim, ele também já me ajudou imenso quando eu precisei, e está na hora de eu retribuir, e fazer alguma coisa por ele, embora de momento, ainda não saiba realmente, o quê!

Se muita gente já tivesse passado por certas coisas que já me aconteceram na vida, iam dar valor,  por estar aqui vivos neste mundo e por mundo e por ter as pessoas que têm à sua volta, e não dar importância a coisas mínimas, forma de andar, de se vestir, de ser, de falar (...)
Ninguém merece ser julgado pelos erros que já cometeu na vida, os próprios já serviram de lição...

0 comentários:

Enviar um comentário