domingo, 24 de novembro de 2013 - 0 comentários

Tenho valor...



A minha querida tia já me disse que quem tem mais juízo sou eu e que sou um grande homem, que consigo ver aquilo que os outros não vêem porque simplesmente não querem enxergar (foi tão bom ouvir essas palavras vinda de um coração plenamente sincero e cheio de amor, amizade, afecto, ternura). A minha mãe tem me mentido nos últimos tempos e inventado historias para me afastar dessa minha tia e prima, porque sabe as ideologias delas e claro que elas tão do meu lado (aceitam-me e respeitam-me) e os meus pais não suportam gente assim... Os meus pais tem ciúmes(e o ciúme dizem ser doentio) da minha tia e prima de eu lhes contar a minha vida (os meus problemas e o que se passa comigo cá por casa).

A certa altura a minha tia foi percebendo que algo não estava bem connosco, e foi se afastando de mim e dos meus pais para não criar problemas, assim como eu me afastei da minha tia, uma vez ela falou comigo cá em casa com a minha mãe e eu presentes, e brigou comigo, e pensei que ela estivesse a ficar do lado dos meus pais, mas afinal vejo que foi a minha mãe que lhe andou a meter coisas na cabeça dela terríveis a meu respeito...
Não percebo porque carga de água os meus pais contam a minha vida a pessoas desconhecidas (Qual o interesse disso?) e de família, que só sabem dizer mal de mim e me deitar abaixo...e essas pessoas não podem ajudar (por terem a mentalidade tão reduzida a pó e a antiguidade), a minha tia essa sim podia ajudar (e bem tentou os meus pais por serem cabeça dura não colaboraram nem aceitaram)

Sinto pena das coisas terem chegado a este ponto (não esperava a minha vida estar assim), já lá foi o tempo em que a minha tia vinha cá a casa e levava-me a passear quando os meus pais diziam para ela me levar.
Acabámos os dois por fazer confissões um ao outro de coisas que sabíamos...mentiras que foram inventado para nos pôr distantes...
A minha tia também disse que dado o meu caso é para tentar manter a calma, e mudar de atitude para com eles, quando me vierem com o assunto da homossexualidade responder-lhes: "Por favor a partir de hoje não toques mais nisso, assunto encerrado. Agora estou noutra..." e mostrar muito bem a minha posição para ver se eles me deixam de chatear a cabeça!

Ela está do meu lado, apoia-me e tem me confortado, e tem muita pena e está triste por eu ter uns país e uma família que me trata assim (pois não mereço mesmo). Os meus pais só querem enxergar o que lhes interessa, eles não merecem o filho que tem, só se importam com o assunto de eu ser "gay", é isso que paira na cabeça deles... não sabem ver o tipo de pessoa que eu sou, pondo isso de parte e tentado esquecer. E como já me disseram e muito bem, eles nunca me vão aceitar, eu não me importo que não aceitem (afinal ninguém é obrigado a gostar de toda a gente) mas que tenham o essencial: o mínimo de respeito pelos meus sentimentos e pela minha pessoa!
Mais uma vez tentei como a minha tia me aconselhou me aproximar deles, para tentar ganhar a confiança... mas sem sucesso! Eu sempre fui um "perito em isolamentos" desde cedo isolei-me muito no meu canto e deixei-me para ali estar... sempre fui assim devido a educação que me deram, a minha mãe prefere ver-me em casa deprimido do que eu fale com pessoas que me acarinham que me querem bem (a minha tia e prima, por exemplo). E devo lutar por aquilo que quero, e se for TEATRO, tenho uma grande luta pela frente...
Tenho que me aproximar delas as duas, sem os meus pais saberem...pois o meu lugar é ao lado de quem me quer bem e não ao lado de quem me deseja o mal!

Nem quero mesmo imaginar como será quando eu trouxer alguém a casa... sim, porque não tenciono esconder o meu namoro (quem gosta de mim e me respeita, tudo bem numa boa... de resto as outras pessoas que calem a "porra da boca" e não digam disparates e sejam no mínimo humanas, decentes e tenham respeito pelos outros.) Sinceramente tenho visto cada atitude (que me deixa boquiaberto) por parte das pessoas que estão ao meu redor e me viram crescer que me tira do sério... estão sempre a dizer: "Vais melhorar, nossa senhora irá te ajudar, e bla bla" (Tretas, falam como se eu tivesse alguma doença), ainda não caíram na realidade e duvido que caiam são sempre tecla 3, caramba!!!

0 comentários:

Enviar um comentário