sábado, 3 de novembro de 2012 - 0 comentários

Desabafos....

Temos de ser o psicólogo de nós próprios.
Eu, estou demais focado nas coisas más que tenho, em todos os problemas que me tem acontecido ultimamente, só pensamentos inteiramente negativos. Sei que tenho coisas positivas em que pensar, mas neste momento, nesta fase da minha vida pela qual estou a passar, não as consigo ver e apreciar.
A minha mente está tão centrada em todo o sofrimento, por todas as coisas que passei, estas que me têm custado cada vez mais a cada dia que passa. E é precisamente por isso que eu não consigo olhar para as coisas positivas que tenho!
Penso para mim todos os dias, questiono-me: ''Será que mereci passar por tudo o que passei?'', ''Porque é que a vida é só sofrer?'', "Será que mereço ser feliz?'', "'Porque é que tudo isto acontece a mim?'' ... questões e mais questões, todas elas sem resposta até ao momento!

Tenho de fazer um grande esforço para conseguir olhar, ver, observar as coisas ainda positivas que tenho presentes em mim.
Quero reconstruir a minha história, com novos capítulos, fins e começos!
Preciso muito de alguém, de alguém que me apoie na hora do recomeço; que me dê a cura para sair deste drama; que esteja sempre esteja sempre do meu lado; que me ame, que me de valor e seja verdadeiro comigo; que me compreenda tudo o que sinto; que me acompanhe para todo o lado; que me apoie em tudo o que eu precisar; que seja sempre sincero comigo; que seja um ombro amigo, no qual posso chorar quando precisar; que me abrace a toda a hora, que me mime; que me seja sincera e fiel; que não tenha medo de amar e entregar; que me faça sorrir que adormeça ao meu lado; que me diga todas as verdades que eu não quero ouvir; que mesmo que eu diga que eu estou bem, saiba ver que tudo não está bem; que consiga compreender o meu silêncio; que cuide de mim; que me ajude a suportar tudo isto; que me faça esquecer os problemas; que me faça sonhar todas as noites; que seja o meu ponto de abrigo; que me faça sorrir nos piores momentos; que me dê a mão e não me deixe cair; que me dê amor; que me aceite como eu sou; que me ature 25 horas por dia, que por mim faça horas extra; que nunca me abandone e me deixe sem rumo; que me saiba defender; que me dê mais do que eu mereço; que me faça sentir amado e desejado; que guarde os meus segredos; que mesmo estando longe, esteja tão perto; que viva todos os momentos do meu lado.
Tudo o que mais desejo hoje, e todos os dias da minha vida, é me sentir bem e feliz!

Está tudo tão difícil, de dia para dia. Era maravilhoso que tudo que sinto passa-se rapidamente, tudo desaparecesse, que todo este mal tivesse um fim, que houvesse uma cura milagrosa em segundos, para os meus problemas, para tudo o que eu sinto, todo este sofrimento que me apazigua.
É realmente, difícil para as pessoas entenderem e compreenderem tudo o que eu sinto (...) não peço que entendam o que sinto, mas no mínimo que percebam que estou a sofrer, a sofrer imenso e que não está a ser fácil lidar com esta depressão. Sim é verdade eu tenho uma depressão. Eu não consegui me aguentar tudo o que aconteceu nos últimos tempos, há alturas em que tudo o que apetece fazer é ir-se embora daqui, morrer,  em que me apetece desistir de tudo, mas tudo!
Falta-me a garra, a força, a coragem (...) tudo o que preciso para estar bem!

Ainda vai levar o seu tempo e há muito trabalho a fazer, para tudo poder ficar, ditamente ''bem'', pois nunca estamos bem a 100%, é impossível para qualquer ser humano! Não é nada fácil, ter mudanças de humor repentinas, ora estar bem e depois ficar mal, ter ocasiões em que tenho a maior raiva, revolta, angustia do mundo dentro do meu corpo. Para mim, não é nada fácil, estar assim tão deprimido, desde cedo que sou muito sensível a tudo, sou emocionalmente frágil, e isso não vem ajudar nada, só desajuda. Sinto-me ainda pior, estou sempre mal, todos os dias.
Apetece-me chorar por dentro, estou vazio...mas tenho tentado sempre sorrir, para mostrar que estou bem e assim, as pessoas não têm a tendência para fazer perguntas, tipo interrogatório: ''Mas o que se passa contigo?'', ''O que é que tu tens?'' Posso estar a sofrer imenso por dentro mas tento sempre mostrar o contrário, mesmo que me sinta a pior pessoa do mundo.

Tudo o que mais quero, agora, neste momento, é que tudo fique bem e depressa. Não vejo a hora e o momento de isso acontecer.....

0 comentários:

Enviar um comentário