quinta-feira, 1 de novembro de 2012 - 0 comentários

Feriado Horrível....

Ontem aconteceu aquilo que eu não esperava que acontecesse .... eu descontrolei-me completamente, fiquei fora de mim, comecei a gritar e ficar muito nervoso e passado com a minha família, nomeadamente com a minha prima, senti uma enorme revolta dentro de mim....
Tudo começou porque a minha mãe começou a perguntar, a dizer que não percebia o porquê de estar assim, tão mal e quais são os motivos para isso!

Depois a minha prima disse que ela própria iria retirar a internet cá de casa, eu passei-me de vez, talvez pelo facto de a minha mãe já me ter dito isso umas quantas vezes, e eu sem internet, vejo que não posso ficar, eu passei-me desatei a gritar: 'Já agora me tirarem tudo o que tenho', a minha avó acabou por se sentir mal e caiu ao chão, e desmaiou!
Eu fiquei bastante nervoso, exaltado, revoltado, zangado e descontrolado....
O meu pai, queria me obrigar a ir para o carro, tentou ainda me tocar, puxou-me a orelha, e o braço ... não sei o que me deu, e disse-lhe, bastante inervado e fora de mim: Se me tocas mais alguma vez, faço queixa à segurança social, de ti, eu não admito violência!
Foi-me indiferente a situação da minha avó ter-se sentido mal, estava mais preocupado com a minha zanga, com a minha revolta, com a fúria que tinha dentro de mim....

A minha prima depois conseguiu convencer o meu pai a me deixar lá, na casa da minha tia, e disse que nós os dois íamos ter uma conversa!
Eu estava numa pilha de nervos enorme, a L. teve de me dar um calmante, não conseguia me acalmar, pudera, depois daquele espectáculo todo, senti-me muito mal, senti vergonha de mim, eu não sou a pessoa que eles todos viram crescer... Eu e ela começamos a falar depois entrei num ataque de ansiedade e choro!
Não me consegui conter, foi ai que me acalmei e que percebi o que se tinha passado, a porcaria que tinha feito, eu nunca esperava as coisas chegarem a este ponto, de eu não me conseguir controlar e ter feito o que fiz. A minha tia fez um chá e até foi buscar água benta para me benzer....

Foi aí que fiquei mais calmo, acalmou-me! Nunca niguém da minha família me tinha visto naquele estado, a agir como agi, depois chorei e chorei, passam-se muitas vezes pela minha cabeça a ideia de suicídio, pois já estou farto desta vida, disto tudo, de sofrer tanto....já não posso mais com isto! Nunca esperava de mim em me encontrar como eu estava, parecia que eu tinha o diabo dentro de mim, a revolta, a angustia, a mágoa, eram tantas ... que é tudo inexplicável, é como se encarnasse outra pessoa, não compreendo de facto, tudo isto!

Já eram 1 e tal da manhã quando  a minha prima me veio pôr à cama, eu não estava nada em condições, ainda ficamos um pouco a falar, ela disse que tinha muitas saudades de os tempos em que eu era diferente, e não compreende como eu agi como agi, ela está muitíssimo preocupada comigo, já não sabe o que fazer para me poder ajudar!
Tenho muito medo, que eu faça alguma coisa e depois, me arrependa seriamente do que fiz, espero que nada disso aconteça!

Enfim.... um dia muito complicado, difícil para todos!
Tenho de pedir desculpas a toda a gente! É o mínimo que posso fazer, depois do sucedido!

0 comentários:

Enviar um comentário